Gordura Localizada X Criolipólise

A Adiposidade localizada (Gordura localizada) é caracterizada pelo acúmulo excessivo de gordura em diferentes regiões do corpo humano. Esta, por sua vez, causa mudanças no contorno corporal o que acarreta a mutação da imagem levando até à diminuição da autoestima, fazendo com que muitas mulheres procurem as clínicas e consultórios de estética para se livrarem desse incômodo tão recorrente. De acordo com ARAÚJO; MEJIA, 2010 as áreas mais acometidas são: flancos, abdômen, coxas e quadris. Essa gordura indesejada pode aparecer em pessoas magras, independente da realização de atividade física contínua e dieta balanceada, pois pode ocorrer devido à hereditariedade e ao biotipo de cada indivíduo.

Muito se estuda e cada vez mais chegamos a procedimentos eficazes no tratamento de gordura localizada. De alguns anos pra cá a Criolipólise vem sido muito citada e dada maior ênfase como um recurso não invasivo que promove o remodelamento corporal com sua eficácia na perda da adiposidade localizada. Este é o método mais eficaz não invasivo de tratamento.

A Criolipólise é um recurso terapêutico que é capaz de reduzir a gordura localizada de 30% a 50% na área tratada. Este recurso consiste em promover uma paniculite localizada, ou seja, induzir a apoptose (morte) das células de gordura, utilizando uma temperatura que varia de -5 a -15º C, sem danificar a pele, órgãos e tecidos adjacentes.

Segundo Oliveira (2011), para o sucesso do tratamento faz-se necessário que o profissional tenha grande conhecimento da etiologia, sintomas, fisiopatologias e recursos adequados para a sua abordagem, visto que, apesar de não invasivo, o procedimento pode oferecer riscos.

O procedimento não é indicado para pessoas obesas e fora do peso, pois é uma técnica usada apenas para tratamento de gordura localizada e não para emagrecimento. Também é contraindicada para pacientes que tenham hipersensibilidade ao frio, diabetes descontrolado, feridas no local de aplicação e gestantes.

A eficácia do processo de Criolipólise está comprovada por Mejia & Paiva (2018), em que relatam que após a realização da técnica não observa-se lesão aos demais tecidos envolvidos, a gordura congelada não proporciona o aumento no nível de gordura no sangue, sendo esse eliminado pelo organismo após a sessão, relatando que a eliminação se estende até dois meses, para o resultado final.

Para Pagan (2014), apenas uma ou duas sessões podem ser o suficientes para a diminuição da gordura, porém, existem casos que necessitam de mais sessões.

A Criolipólise é um procedimento seguro e eficaz no tratamento de gordura localizada e de mínimo efeito colateral quando aplicado por um profissional competente, capacitado e que respeite as normas de aplicação.

Ainda ficou alguma dúvida?

Pode nos perguntar pelo Whatsapp: (31)998991316
Aproveite e mande sugestões para o próximo artigo.

Acesse as redes sociais:
Facebook: fb.com/drwilliamvasconcelos
Instagram: @dr.williamvasconcelosoficial